O projeto MCaudio

A MCaudio pretende oferecer ao público soluções acessíveis de reprodução sonora à escala real recorrendo a conceitos e topologias acústicas inovadoras: linha de transmissão de quarto de onda para rendimento de baixa frequência, radiação bipolar e altifalantes fullrange de grande dispersão.

A conceção impar de conceitos estritamente acústicos com altifalantes de elevada qualidade numa caixa acústica de alto rendimento resultou também num design único e diferente.


O que dizem de nós:

“Confesso que quando os irmãos Cardoso aqui chegaram e me mostram as colunas que tiram do bolso da camisa eu achei que esta malta do Norte estava a precisar de uma camisa de forças....

Como me enganei meus amigos !

A primeira experiência foi feita , com um amp sansui meu e logo aos primeiros acordes fiquei com o maxilar caído no chão e os olhos esbugalhados, tal a dimensão e escala que daquelas coisitas, pouco maiores que um selo de correios, brotava...o grave era impressionante e escandalosamente presente.

São aquilo que eu chamo de colunas "atrevidas e desavergonhadas".

Podem não ser umas colunas "perfeitas" no seu todo, por causa das condicionantes físicas naturais de uns altifalantes tão pequenos, mas "enganam" bem...de olhos fechados ninguém dirá o que aquilo é na verdade.”

Milton do fórum “Portugaudio” http://www.audioanalogicodeportugal.net 


“Acho notável que a gama média seja tão coesa e dinâmica e o grave tão "real" sendo ele o resultado de algumas variáveis que (para um total leigo como eu), me parecem ser bastantes.

Nem tive a sensação de um som colorado, mas sim "seco" (nesse mesmo sentido) direto e bastante coerente e equilibrado em todas as gamas.

Para a maioria das salas dos comuns dos mortais, uma coluna de grande qualidade por um valor fantástico, assim elas toquem como estavam a tocar no PortugÁudio.”

António José da Silva do fórum “Portugaudio” http://www.audioanalogicodeportugal.net

 


“Esaú Cardoso e seu irmão, cuja missão é infiltrar-se no universo das caixas acústicas, de forma a marcar posição e libertar o potencial cliente da opressão inerente à necessidade de despender avultada quantia para adquirir colunas que realmente toquem bem, propõe uma família de colunas bipolares, denominadas MCaudio, […]. Para quem já andou de montanha-russa, saberá que é uma imagem perfeita para definir a reacção que se tem quando se ouve as B3, já que, a nossa Caixa Idiota Instruída (cérebro), fica agitada ao recordar-se das inúmeras colunas muito mais dispendiosas, que carecem da notável nota artística das 3. Efectivamente, este modelo […] que, sem estar a cantar, devido ao seu pequeno porte para colunas de chão, não chamam as atenções sobre si próprias, […] tornam-se cobiçadas e despertam a inveja de fabricantes populares. Ouça o concerto em Colónia de Keith Jarret ou o álbum «Canto da boca», de Sérgio Godinho, e reformulará e actualizará as suas referências, questionando como é possível estar na presença de colunas que tão-somente custam €400,00? […]”

Ghost4u do fórum “Portugaudio” http://www.audioanalogicodeportugal.net

 


“Gostei de todas as salas mas a que me tirou o sono de sábado para domingo foi a sala da MCaudio com as colunas bipolares b3... adorei simplesmente o som...”

pistollero do fórum “Portugaudio” http://www.audioanalogicodeportugal.net